OPS exige e deputado devolve R$ 8 mil aos cofres públicos

Em razão da precariedade do setor responsável pela verificação de questões legais de empresas que prestam serviços a deputados, a Câmara dos Deputados autoriza pagamentos até mesmo para empresas que estão impedidas de emitir nota fiscal. Mas a OPS conseguiu reaver R$ 8 mil que haviam sido reembolsados ao deputado Silvio Costa Filho (PRB-PE). Entenda o caso. Regras da Câmara que norteiam o uso da … Continuar lendo OPS exige e deputado devolve R$ 8 mil aos cofres públicos