Pazuello deixará Ministério da Saúde


Alegando problemas de Saúde, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, deve deixar o cargo em breve. Dois cardiologistas são cotados à vaga. Ludhmilla Abrahão Hajjar, professora associada da USP, e Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Sem especificar que problema de saúde Pazuello enfrenta, fonte do primeiro escalão afirmou ao site Metrópoles que o ministro teria chegado ao seu limite de pressão no governo.

De acordo com informações de integrantes do governo, a pressão para a saída do ministro foi muito forte e se intensificou depois de reunião com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), na tarde de sábado (13/3), no Palácio da Alvorada. Após o encontro com Lira, Bolsonaro se dirigiu para o hotel de trânsito dos oficiais, no Setor Militar, onde teria comunicado sua decisão ao ministro, na noite de sábado.

De acordo com o site covid.saúde.gov.br, quase 11,5 milhões de brasileiros foram infectados pelo coronavírus, 76 mil deles apenas no dia 13. Mais de 277 mil pessoas já perderam a batalha para o vírus que aumentou substancialmente seu lastro nos últimos dias.



Categorias:Política

Tags:, , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: