Política

MEC deverá suspender bloqueio do orçamento das universidades, determina Justiça


Por determinação da Justiça Federal em Salvador, na Bahia, o MEC deverá suspender os bloqueios que fez nas verbas discricionárias (não obrigatórias) do orçamento das universidades federais. O governo pode recorrer da decisão.

O despacho da juíza federal Renata Almeida de Moura Isaac que respondeu a quatro ações populares, incluindo uma da Defensoria Pública da União (DPU), determinando a suspensão dos contingenciamentos.

A magistrada afirma que a decisão do MEC não poderia ter sido tomada sem “prévio estudo técnico e minucioso, inclusive com a participação dos representantes destas instituições [as universidades], para que se garanta que não haverá prejuízo à continuidade das atividades acadêmicas.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.