Representantes da sociedade entregam a Rodrigo Maia propostas para enfrentar a crise


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), recebe às 16 horas desta quarta-feira (27) de representantes de diversas entidades da sociedade civil um documento com várias propostas para enfrentar a corrupção e as crises política e econômica. O documento foi elaborado no último dia 14, no evento “Diálogos Congresso em Foco”, do qual também participaram parlamentares federais ligados a nove diferentes partidos políticos e estudiosos dos diversos temas tratados (saiba quem participou).

Entre as propostas aprovadas estão a defesa de uma reforma tributária que onere menos o consumo e mais a renda; a regulamentação do lobby; a profissionalização da gestão pública e a redução dos cargos comissionados; e a introdução, nos currículos escolares, de conteúdos voltados para a formação política dos cidadãos.

Confirmaram participação na audiência desta quarta-feira com o presidente da Câmara o idealizador do projeto e fundador do Congresso em Foco, Sylvio Costa; representantes de empresas privadas e das seguintes instituições: Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral ( MCCE), Instituto de Fiscalização e Controle (IFC), Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (Anabb), Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (Anape), Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), Associação dos Peritos Criminais Federais (APCF), Federação Brasileira das Associações dos Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite), Sindicato dos Gestores Governamentais de Goiás (SindGestor), Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz), Conselho Indigienista Missionário (Cimi), Observatório Social e Centro Feminista de Estudos e Assessoria (C-femea).

O espírito da coisa

“O Congresso em Foco é hoje a única organização no país que pode fazer isso hoje”, reagiu o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), juiz João Ricardo Costa, ao ser apresentado à ideia do Diálogos, que ele imediatamente encampou. “Isso”, na expressão dele, é a capacidade de reunir pessoas expressivas, que pensam muito diferente sobre quase tudo, e convencê-las a encarar o desafio de produzir um documento comum.

A oportunidade não poderia ser melhor. Nunca tantos brasileiros se interessaram tanto por política. E poucas vezes, na história do Brasil, um número tão grande de pessoas demonstrou tamanha descrença nos representantes eleitos. Nesse contexto peculiar, marcado ainda pela exacerbação do sectarismo e da intolerância, o Congresso em Foco se consolidou como um dos meios de comunicação de mais alta credibilidade do país, seja para uma audiência nacional crescente, seja para a mídia estrangeira, que o transformou em fonte constante de citações. A ideia do Diálogos Congresso em Foco é usar essa força para investir na busca de luz em meio à sucessão de pesadelos com que a realidade nos tem brindado.

Em mensagem enviada pelo Facebook, o jornalista Jose Carlos Salvagni considerou a iniciativa ”fundamental neste país dividido por uma esquerda de araque, do mundo da Lua (essa em torno do PT) e um extremo lunático à direita”. Ele ressalta a importância de debater a questão essencial: “O que precisamos mesmo é de MELHOR GESTÃO PÚBLICA, de separação entre público e privado, de real independência e harmonia entre os três poderes (que se comportam de forma irresponsável de alto a baixo). O país está pessimamente gerido, de alto a baixo. E o Congresso em Foco está numa ótima posição para puxar mobilizações por reflexões e ações para melhorar isso”.

Para Chico Whitaker, um dos fundadores do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), a superação dos problemas do sistema político passa pela maior participação popular nas decisões, tema de artigo publicado ontem (terça, 26) por este site.

Participe!

O fórum reunido no último dia 14, no Windsor Plaza Hotel, em Brasília, cumpriu o seu objetivo de produzir um documento apontando caminhos convergentes para a saída da crise. Mas o debate sobre o assunto continua em aberto. Você, leitora ou leitor, está convidadíssim@ para participar!

Se quiser, pode mandar um texto para publicação neste site, escreva para redacao@congressoemfoco.com.br.

Também criamos um grupo de discussão no Facebook, que continua aberto a contribuições.

Conforme o documento final, “não há receita pronta para a superação do atual momento, mas urge que ela seja pautada e discutida à exaustão, dentro e fora dos muros palacianos e das casas legislativas”. O texto completa: “Afinal, se o problema é de todos, os debates e as soluções também devem ser”.

Além de contar com a adesão de grande número de entidades, o projeto é uma iniciativa conjunta do Congresso em Foco com as seguintes organizações: AMB, Ambev, Anabb, Anape, Anfip, APCF, Febrafite, Sindgestor e Sinprofaz.

POR CONGRESSO EM FOCO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s